CMA – Escoliose: Posso obter CMA de 1º ou 2º classe?

posted in: CMA | 1

Seguindo com nossa série sobre dúvidas quanto ao CMA – Certificado Médico Aeronáutico, vamos responder à pergunta de hoje:

Dúvida

Olá.

Meu nome é Pedro, tenho 15 anos e esse ano fui aprovado na EPCAr mas reprovei no INSPSAU por escoliose. Gostaria de saber se isso pode causar problemas na obtenção do cma de 1ª ou 2 ª classe (e quais são os limites e o nível do rigor nos exames) já que minha única opção agora é a aviação civil. Fico no aguardo de uma resposta, pois não acho essa informação em lugar nenhum.

Desde já, obrigado.

Nossa resposta

Pedro,

No caso da INSPSAU, que é a inspeção de saúde para carreira militar, os requisitos costumam ser mais rígidos e bem explicitados, inclusive com o grau da escoliose. 

Quanto à obtenção do CMA para 1º e 2º classe, a RBAC 67, apresenta o seguinte, em relação à escoliose:

67.95 Requisitos ósteo-articulares

(b) O candidato não pode possuir:

(3) escolioses, cifoses e lordoses sintomáticas que, a critério do examinador ou da ANAC, possam afetar a segurança de voo; 

Portanto, dependerá do grau de sua escoliose, se apresenta sintomas relacionados, se é causa de limitação. Essa avaliação e decisão de aptidão ficarão a critério do médico examinador. 

Atenciosamente,

Dra. Tatiana Trigo
Médica Aeroespacial

O leitor de hoje enviou sua dúvida através do nosso e-mail. Você pode fazer o mesmo, caso não encontre a resposta nas perguntas já respondidas.

  • israel

    Tenho 53 anos, Inspetor de Polícia Civil de Minas Gerais, queria saber quanto algumas duvidas do CMA, quero comprar um helicoptero para uso pessoal e pretendo me habilitar para tirar o Breve, porém em 2.012 sofri um IAM, sendo colocado 2 stens, sendo um em cada arteria, não fiquei com nenhuma sequelas e me sinto muito bem, tanto que já retornei aos trabalhos, uso remédios para controlar a hipertensão, colesterol e treigliceres, já sendo cortado aos poucos pelo meu cardiologista.

    Isso me impediria me habilitar para pilotar um helicoptero particular, de minha propriedade?

    Atenciosamente.

    Israel Simões de Souza.