Dúvida – Como está o mercado da aviação?

posted in: Duvidas | 7

Seguindo com nossa série sobre dúvidas quanto à formação aeronáutica, vamos responder à pergunta de hoje:

Dúvida

Olá, tenho 27 anos e sou formado em ADM. Sempre tive muito interesse na área de aviação, não tentei entrar na aeronautica na minha época porque ainda era imaturo e no ES, onde moro, tem apenas exercito.

Enfim, estou querendo muito iniciar o curso de PP, e posteriormente de PC. Vi que os custos são altos, mas a minha maior dúvida é….formado é muito difícil conseguir ser piloto, considerando o mercado hoje? Digo em relação a ser muito concorrido por exemplo, ou o mercado estar ruim etc… Tenho inglês intermediário e estou fazendo o curso para chegar ao Avançado.

Outro ponto, aqui no ES, conhecem uma escola confiável? Não conheço nada sobre as escolas e necessidades de um curso de piloto no que diz respeito a Qualidade. Nem mesmo sei se existe mais de uma, sei que tem um aeroclube aqui.

Desde já agradeço e me desculpe por tantas perguntas!.

Abraço

Jean Magno

Nossa resposta

Jean,

Como tenho escrito nos meus posts sobre o mercado da aviação, hoje vivemos um momento de melhora do mercado de trabalho. Companhias aéreas como TAM, AVIANCA e AZUL estão mais aquecidas nos processos de contratação em relação ao ano passado, sendo que a Azul é hoje a companhia que mais está contratando. A AVIANCA tem um política de contratação conforme a chegada de novo aviões, ou seja, contrata-se conforme a necessidade de pilotos. Já a TAM está recontratando todos os pilotos que foram demitidos no ano passado, e há a intenção de novas contratações no segundo semestre de 2014. Na GOL, até onde eu sei, haverá contratações somente em 2015.

No meu ponto de vista, estamos em um momento em que o mercado está se aquecendo novamente. Não acredito que teremos o mesmo “boom” de 2010, pois a estrutura aeroportuária brasileira não acompanhou o ritmo de crescimento apresentado pelas companhias aéreas, o que ocasionou demissões em massa, e agora recontratações. Porém, não vejo que teremos uma grande contratação de pilotos pelas empresas aéreas. O que acredito que vamos ter é um crescimento progressivo das companhias, onde serão exigidos experiência mínima de 500 horas de voo e certificação ICAO, exceto a AZUL, que acredito que continuará contratando pilotos com baixa experiência, recém checados PC/MLTE – IFR e com o ICAO.

Sobre escolas de aviação ou aeroclubes aí em Vitória ou no Espírito Santo, não conheço nenhuma instituição, mas recomendo que você compre um pacote de 10 horas para conhecer como é a escola: agendamento de voo, disponibilidade de aviões, como são os aviões, instrutores e etc.

Não se esqueça de que, para voar o PPA, é fundamental ter um freqüência de vôos de, no mínimo, um hora de voo por dia, ou ao menos quatro horas de voo aos finais de semana, sendo duas no sábado e mais duas no domingo. Ou seja, se for voar apenas aos finais de semana, voar no mínimo duas horas por dia.

Atenciosamente,

Rodrigo Satoshi

INVA – Instrutor de Voo de Avião

O leitor de hoje enviou sua dúvida através do nosso e-mail. Você pode fazer o mesmo, caso não encontre a resposta nas perguntas já respondidas.

Rodrigo Satoshi
Redes

Rodrigo Satoshi

Instrutor de Voo de Avião e professor de curso teórico para Pilotos Privados e Pilotos Comerciais.
Rodrigo Satoshi
Redes
  • mariospertel

    Existe o Aeroclube do Espírito Santo (Aces) que fica na Barra do Jucu em Vila Velha, fiz meu curso de PP lá e gostei muito. Não é onde tem as horas mais baratas, mas também não é onde tem as mais caras. Sugiro fazer um vôo panorâmico com o Cmte Feres para tirar algumas de suas dúvidas. Caso possa te ajudar eu moro no ES e estarei de prontidão para ajudar. Mário – mario@etcampos.com.br

  • Julio Hofmeister

    Cmte que história é essa de frequência mínima de 1 hora de vôo por dia ou 4 nos fins de semana? Aqui em ctba devido ao tempo e trabalhando durante a semana só me sobram os fins de semana e vôo bem menos do que isso. Tá mais pra 2 horas por mês. Existe alguma restrição no regulamento em relação a isso?

    • Rodrigo Satoshi

      Julio,
      No RBAC, nem no regulamento não há tempo máximo entre voos no PPA ou PCA.
      Abc

      • Julio Hofmeister

        No seu artigo você escreveu:
        “Não se esqueça de que, para voar o PPA, é fundamental ter um freqüência de vôos de, no mínimo, um hora de voo por dia, ou ao menos quatro horas de voo aos finais de semana, sendo duas no sábado e mais duas no domingo. Ou seja, se for voar apenas aos finais de semana, voar no mínimo duas horas por dia.”
        Por isso não entendi e fiz a pergunta. Se não está no RBAC é só uma recomendação sua então?
        Grato

        • Luiz Fernando Ferreira

          É apenas recomendação, para não quebrar a sequencia do treinamento… Caso fique muitos dias sem voar, a próxima hora servirá apenas para rever as manobras anteriores. Quem mantém uma regularidade nos vôos, conseguem concluir o curso com menos horas de vôo,,,

          • Julio Hofmeister

            Ok Cmte está claro agora.
            Obrigado!

  • Welitom

    Ola, sou brasileiro,e passei meu pp n’a frança, tenho em torno 150 horas de voo, gostaria de continuar minha formaçao no brasil. Para Pc ,o probléma e que tenho 41 anos ,e gostaria de saber se Nao estar tarde para me lançar nessa Linda aventura de me tornar profissional????? E quanto me costaria hoje passar o Pc ai no brasil???? Sera q minha licença de pp francesa e valida no brasil???? Obrigado desde jà por toda informaçao … Cordialmente welitom.