Dúvida – Vale a pena fazer o PP na Bolívia?

posted in: Duvidas | 0

Seguindo com nossa série Pergunte ao Canal Piloto, vamos responder à pergunta de hoje:

Dúvida

Oscar Lima Alfa senhores.

Primeiramente gostaria de parabenizá-los pela excelente página e agradecer por engrandecer cada dia mais nosso acesso a informações aeronáuticas.

Estou começando a estudar PP por conta própria e gostaria de tirar uma pequena dúvida.

Pesquisei em diversos lugares sobre a formação aeronáutica na Bolívia. Os custos das horas de voo são bem menores, o que reduziria consideravelmente o custo total de formação. Porém não encontro em lugar algum uma posição concreta sobre a formação de profissionais no país em questão. Vocês saberiam me informar se realizando todo o processo de formação na Bolívia, eu seria mal visto como um profissional?
Quanto a convalidação seria o mesmo processo de outro país qualquer?

Se puderem me dar algumas dicas ficaria agradecido.

Grato pela atenção

Gustavo H. Jansen

Nossa resposta

Gustavo,

Na minha vida como piloto de avião, não conheci ninguém que fez a sua formação na Bolívia, mas creio que isso não será um fator de preconceito quando você for procurar um emprego. O processo de convalidação das carteiras pela ANAC é o mesmo que você faria se tivesse checado nos EUA.

Para a convalidação do PP, serão necessárias uma prova teórica de regulamentos, mais 1,5 horas de voo, com exatos 3 pousos diurnos e 3 pousos noturnos. Sendo aprovado, o aluno segue para o voo de cheque de 1,5 horas.

Para convalidação do PC – monomotor ou multimotor – IFR, serão necessárias 2,5 horas de voo, sendo 2 horas sob capota, com exatos 3 pousos diurnos e 3 pousos noturnos, e mais 6 horas de simulador AATD. Sendo aprovado, o aluno segue para o voo de cheque de 2,5 horas.

Independente de onde você fez a sua formação, o fator predominante em qualquer seleção de emprego é se você tem proficiência para voar por instrumentos, e se você possui  habilidade no controle da aeronave, manutenção de altitude, proa, velocidade e pouso. Tenho certeza de que isso você irá aprender em qualquer lugar do mundo.

Sugiro inicialmente que você vá até a Bolívia, compre apenas 10 horas de voo para avaliar e conhecer as condições para agendamento de horas, os aviões, instrutores, o problema do idioma e como são os cursos teóricos lá. Caso você se adapte bem, aí sim, compre primeiro o PP e, somente após checar, adquira o PCA.

Abraços,

Rodrigo Satoshi

INVA – Instrutor de Voo de Avião

O leitor de hoje enviou sua dúvida através do nosso e-mail. Você pode fazer o mesmo, caso não encontre a resposta nas perguntas já respondidas.

Rodrigo Satoshi
Redes

Rodrigo Satoshi

Instrutor de Voo de Avião e professor de curso teórico para Pilotos Privados e Pilotos Comerciais.
Rodrigo Satoshi
Redes